Content
  • PT
  • ENG
©Wikimedia Commons / Tobias Klenze
Artigo
Publicado em 30/7/2014 por Isabel Pereira

Sabia que a Alemanha, seleção campeã no Mundial de Futebol 2014, foi perita em anular as ligações estratégicas entre os jogadores adversários? Esta é uma das conclusões que podemos retirar das redes que o Laboratório de Perícia no Desporto (Spert LAB) elaborou, para retratar a dinâmica de cada equipa nos jogos da competição.

São redes que representam interações entre jogadores de futebol, mais precisamente, o número de vezes que um jogador passa a bola a outro jogador, e resultam de uma parceria entre o Spert LAB, da Faculdade de Motricidade Humana, da Universidade de Lisboa e o Programa Doutoral em Ciências da Complexidade, do ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa.

De acordo com Duarte Araújo, coordenador do projeto, “a informação precisa que resulta destas redes permite ao treinador perceber, em relação à sua equipa e ao adversário, qual a função de cada jogador, e como se organiza taticamente o coletivo, em cada momento do jogo”.

O processo começa com uma análise notacional. Ou seja, com a observação e anotação das ações do jogo, através da transmissão televisiva, por parte de investigadores treinados para o efeito. Segue-se a filtragem de erros através de um software desenvolvido no laboratório. Depois, os dados são validados pela comparação de variáveis comuns com as estatísticas oficiais da FIFA. E, por fim, passamos à construção das redes de interação do jogo, através de um software criado em conjunto pelos dois parceiros responsáveis pelo projeto, que vai além da contagem de passes, calculando os efeitos complexos das interações.

Rede de ações da final do Brasil 2014

O resultado é uma imagem como a que pode ver nos recursos deste artigo. Quanto mais passes o jogador faz, mais largo é o círculo que o representa na rede, e quanto mais precisos são os passes, mais avermelhado é o mesmo símbolo (numa gradação de amarelo a vermelho). Já as setas da imagem indicam a direção e a força das ligações estabelecidas do jogador A para o jogador B.

Por exemplo, segundo a rede de ações do jogo da final do Campeonato do Mundo, a Alemanha teve a posse de bola ao longo de quase todo o jogo, como se pode ver pelas ligações mais fortes e também pela intensidade de interações. Já a Argentina, teve pouca posse de bola e, por isso, ligações mais fracas.

Esta análise incluiu ainda um outro indicador, a intensidade de passes ao longo do tempo [ver recursos]. Segundo Duarte Araújo, “foi possível notar relações muito próximas entre uma maior intensidade de passes ao longo do tempo e a ocorrência de golo”. No caso do jogo entre Alemanha e Argentina, também este indicador revelou a superioridade da seleção europeia, que bateu a adversária por 1-0.

Em resultado de todo o estudo desenvolvido durante o Mundial de Futebol, o Laboratório de Perícia no Desporto pretende lançar quatro artigos científicos. A descrição do processo desde a análise notacional até à construção da rede; a criação de sistemas de classificação para os modelos de jogos, com base em propriedades comuns das redes de ação de cada equipa; a identificação das tendências mais atuais do futebol, através da comparação com dados de campeonatos anteriores; e, a descrição de como o treinador pode trabalhar a informação obtida, serão os temas a explorar.

Aplicação da linguagem de sistemas dinâmicos

As redes de ação enquadram-se na área de estudo da análise de desempenho, uma das linhas de investigação do Spert LAB. Neste campo, a inovação introduzida pelo laboratório tem vindo a centrar-se no desenvolvimento de teorias e indicadores que permitam analisar os processos de jogo. “A estatística diz-nos o que acontece, mas não como e porque acontece. Nós introduzimos a vertente do comportamento humano na análise da performance”, explica o investigador da Faculdade de Motricidade Humana da Universidade de Lisboa.

Com o objetivo de perceber as relações e a evolução das ações do jogo, são utilizadas linguagens e ferramentas dos sistemas dinâmicos [ver glossário]. Por exemplo, tendo acesso às coordenadas posicionais dos jogadores podemos ter descrições contextualizadas dos seus comportamentos - trajetórias, distância em relação a cada uma das balizas, distância em relação às linhas laterais, etc.. Percebemos, entre outras coisas, quanto se aproxima ou afasta da baliza adversária, e da sua própria baliza, elementos que, de acordo com a linguagem de sistemas dinâmicos, funcionam como atratores ou repulsores.

Com uma visão interdisciplinar, o Laboratório de Perícia no Desporto conjuga a fisiologia, a biomecânica, a psicologia e a pedagogia com uma grande dose de tecnologia. Para recolher e tratar informação os investigadores recorrem, por exemplo, a câmaras de filmar, dispositivos GPS, e software de digitalização automática de dados.

Glossário:

Sistema dinâmico - Na física matemática e na matemática, o conceito de sistema dinâmico refere-se a um sistema que evolui segundo uma regra que liga o estado presente aos estados passados.

 Foto: Wikimedia Commons / Tobias Klenze 

Partilha


Comenta

Spert LAB

Rede de ações da final do Campeonato do Mundo de Futebol 2014

Spert LAB

Gráfico de intensidade de passes da 1ª parte da final do Campeonato do Mundo de Futebol 2014

Consola de depuração Joomla

Sessão

Dados do perfil

Utilização de memória

Pedidos à Base de dados